Última hora

Última hora

Edifício produz energia a partir de algas

Em leitura:

Edifício produz energia a partir de algas

Tamanho do texto Aa Aa

Em Hamburgo, na Alemanha, um edifício produz energia a partir das algas. Os painéis de vidro transparente funcionam como reactores biológicos.
A utilização da energia produzida a partir da fotossíntese das algas não é algo novo mas este é o primeiro projeto em larga escala.

Através da fotossíntese, as microalgas convertem a energia da luz em energia química.

O sistema foi concebido para fornecer energia aos quinze apartamentos do edifício.

“O calor é produzido nesta fachada por reatores biológicos e é depois enviado para esta central. O calor é utilizado no sistema de aquecimento para aquecer o edifício e a água potável”, explicou Martin Kerner, responsável do projeto.

Laura Gador é um das inquilinas do edifício verde. A varanda parece um aquário com algas. Além da estética inovadora, a grande vantagem de viver no prédio é a possiblidade de economizar na fatura da luz.

“Penso que vamos poupar mil euros por ano na verdade atualmente já pagamos pouco porque estamos num edíficio passivo do ponto de vista energético, com um bom isolamento”, disse a inquilina.

O edíficio pode armazenar energia debaixo da terra durante o verão e utilizá-la alguns meses depois.

Este projeto representa uma visão de futuro e é uma resposta a perguntas que colocámos há 30 anos”, sublinhou o arquiteto Dietmar Walbert.

Outra das dimensões do projeto alemão passa pela recuperação das algas, ricas em minerais, para produzir alimentos.