Última hora

Última hora

Toda a gente conhece Magritte?

Em leitura:

Toda a gente conhece Magritte?

Tamanho do texto Aa Aa

Muita gente conhece Magritte mesmo sem saber que o conhece. A ideia foi expressa pela curadora do Museu de Arte Moderna de Nova Iorque, que organiza uma retrospectiva das primeias obras do pintor belga.

A exposição intitula-se “O mistério do Ordinário” e destaca o período que vai de 1926 a 1938.

“Há muita gente que conhece Magritte mas nem sempre sabe que o conhece. As imagens de nuvens com olhos ou os chapéus de côco fazem parte da cultura popular, sobretudo na área da publicidade mas o nome do pintor acaba por perder-se. A exposição pretende recuperar essas imagens do Magritte e destacar esse período inovador em que as imagens de céus, olhos e chapéus se tornaram num retrato da sua arte”, referiu Anne Umland.

Um dos pontos de viragem da carreira de René Magritte foi o contacto com o círculo dadaísta.

Ao ver a obra “Canto de amor” de Giorgio De Chirico Magritte declarou:“Os meus olhos viram o pensamento pela primeira vez”.

A exposição pode visitada até Janeiro de 2014, no Museu de Arte Moderna em Nova Iorque (MOMA).