Última hora

Última hora

Egito: cinco mortos em nova jornada de protestos pró-Morsi

Em leitura:

Egito: cinco mortos em nova jornada de protestos pró-Morsi

Tamanho do texto Aa Aa

Os apoiantes do presidente deposto Mohamed Morsi regressaram, esta sexta-feira, às ruas de várias cidades egípcias.

Os protestos contra o novo governo, mas também contra a pior repressão de sempre do exército sobre a Irmandade Muçulmana foram marcados por confrontos entre polícia e manifestantes, no Cairo, em Alexandria e em Assiut, no sul do país.

Pelo menos cinco manifestantes morreram e outros 18 ficaram feridos depois da polícia ter recorrido a balas de borracha e gás lacrimogéneo para dispersar os protestos, do Cairo, a Assiut, onde se registaram quatro mortes.

Durante o dia de sexta-feira, as marchas tentaram, sem sucesso, ocupar a praça Tahrir ou a entrada do palácio presidencial no Cairo, assim como o centro de várias cidades.

Os protestos ocorrem num momento em que as discussões entre o novo governo e os islamitas se encontram suspensas depois do exército ter detido ou morto mais de um milhar de militantes da Irmandade Muçulmana.

Os movimentos islamitas convocaram vários protestos para o fim de semana para exigir a demissão do novo governo controlado pelos militares.