Última hora

Última hora

Perseguição automóvel nas ruas de Washington: uma mulher foi morta a tiro

Em leitura:

Perseguição automóvel nas ruas de Washington: uma mulher foi morta a tiro

Tamanho do texto Aa Aa

Uma perseguição automóvel nas ruas de Washington, nas proximidades do Capitólio e da Casa Branca terminou com a morte de uma mulher e ferimentos num polícia.

A polícia terá disparado depois de o carro conduzido pela mulher ter passado duas barreiras de segurança.

A identidade da mulher não foi ainda revelada, nem as razões que terão levado ao seu comportamento, mas o inquérito preliminar parece descartar qualquer pista terrorista.

A chefe da polícia, Cathy Lanier, revela os primeiros elementos da investigação:
“Toda a informação que temos até agora é de que isto não parece ter sido um incidente, foi uma longa perseguição, vários veículos foram abalroados, houve polícias atingidos e foram quebradas duas barreiras de segurança”.

Não há, por enquanto, indicação sobre o estado do polícia ferido. Ao que tudo indica, no veículo que furou as barreiras de segurança estava também uma criança.

O incidente provocou cenas de pânico e obrigou ao bloqueio do acesso ao Capitólio e às imediações da Casa Branca.

Este é o segundo incidente grave em Washington nas últimas duas semanas. No dia 16 de setembro, um antigo marine matou a tiro 12 pessoas, num edifício da Marinha, nos arredores da cidade.