Última hora

Última hora

EUA e Rússia falam a uma só voz

Em leitura:

EUA e Rússia falam a uma só voz

Tamanho do texto Aa Aa

A Rússia e os Estados Unidos querem que as Nações Unidas avancem com a conferência de paz sobre a Síria na segunda semana de novembro.

O encontro que visa negociar uma solução política para o conflito no país ainda não tem data marcada.

O secretário de Estado norte-americano, John Kerry, considera que o processo está bem encaminhado e destaca a cooperação de Damasco:

“Penso que foi dado um passo significativo já que as armas químicas começaram a ser destruídas na Síria uma semana depois de a resolução ter sido aprovada. Uma situação possível graças ao regime de Assad que respondeu com a prontidão exigida.”

Os peritos internacionais chegaram à Síria no início de outubro. O objetivo é eliminar o arsenal sírio em nove meses e, desta forma, evitar uma intervenção militar no país.

“Esperamos que a resolução adotada no Conselho de Segurança há 10 dias seja respeitada por todas as partes, bem como pelos países vizinhos da Síria”, refere Sergei Lavrov.

A conferência de paz sobre a Síria a realizar em Genebra vai contar com a presença de representantes do governo e da oposição a Bashar Al-Assad. De fora deve ficar a coligação nacional que apoiou uma intervenção militar norte-americana no país.