Última hora

Última hora

Organização para a Proibição de Armas Químicas ganha Nobel da Paz

Em leitura:

Organização para a Proibição de Armas Químicas ganha Nobel da Paz

Tamanho do texto Aa Aa

O vencedor do Prémio Nobel da Paz de 2013 é a Organização para a Proibição de Armas Químicas. O anúncio foi feito por Thorbjorn Jagland, o presidente do comité Nobel.

A Organização para a Proibição de Armas Químicas, criada em 1997, é pouco conhecida do grande público. No entanto, é este organismo que reúne quase todos os países do mundo, exceto a Coreia do Norte, a Somália, o Sul-Sudão e Angola, que está, neste momento, a supervisionar o desmantelamento do arsenal químico da Síria.

Dirigida pelo diplomata turco Ahmet Üzümcü e sediada na cidade holandesa de Haia, a organização tem como principal missão verificar a destruição de todas as armas químicas existentes e de tomar todas as medidas necessárias para pôr fim ao seu fabrico.

O prémio Nobel da Paz consiste numa medalha de ouro, um diploma e um cheque de oito milhões de coroas norueguesas, o equivalente a 910 mil euros.

A cerimónia de entrega do galardão decorrerá, como todos os anos, no dia 10 de dezembro, data do aniversário da morte do criador do prémio, Alfred Nobel, falecido em 1896.