Última hora

Última hora

Índia: 89 pessoas morrem espezinhadas durante festa religiosa

Em leitura:

Índia: 89 pessoas morrem espezinhadas durante festa religiosa

Tamanho do texto Aa Aa

Pelo menos, 89 pessoas morreram sobretudo espezinhadas, na Índia. Mas o balanço das vítimas mortais pode ainda agravar-se.

O acidente ocorreu durante a festa hindu de Navatri, em honra da deusa Durga, um evento religioso que atrai milhões de peregrinos aos diversos templos do país.

Cerca de 400 mil fiéis encontravam-se já perto do templo de Ratanghar, no Estado de Madhya Pradesh. O acidente ocorreu na ponte sobre o Sind, perto de Datia. Segundo a polícia, 20 mil pessoas estariam na ponte. As causas do acidente estão ainda por determinar, mas algumas fontes indicam que os peregrinos se terão precipitado, num movimento de pânico, para saírem da ponte ao ouvirem rumores de que iria ruir.

Segundo o chefe do governo local, algumas pessoas perderam a vida ao preferirem atirar-se da ponte abaixo.

A densidade da multidão dificultou o acesso das equipas de socorro aos feridos, que foram finalmente transportados para o hospital.

Este tipo de acidentes ocorre regularmente, durante as festas religiosas, na Índia. Em fevereiro, 36 pessoas morreram durante outro festejo, em Allahlabad, nas margens do Ganges.