Última hora

Última hora

Tufão provoca mais de uma dezena de mortos no Japão

Em leitura:

Tufão provoca mais de uma dezena de mortos no Japão

Tamanho do texto Aa Aa

Pelo menos 14 pessoas morreram e dezenas estão dadas como desaparecidas no Japão após a passagem do tufão Wipha, o mais forte da última década.

A ilha japonesa de Oshima, a sul de Tóquio, é uma das mais afetadas. Os deslizamentos de terra soterraram várias casas e as autoridades admitem que o número de vítimas mortais possa vir a aumentar nas próximas horas.

Chuvas torrenciais e ventos na ordem dos 140 quilómetros por hora atingiram, também, a área metropolitana de Tóquio. Cerca de 500 voos foram anulados. As ligações ferroviárias e rodoviárias suspensas. Como medida de prevenção as escolas encerraram portas e as pessoas foram aconselhadas a permanecer em casa.

O tufão deve atingir o nordeste do Japão ao largo da costa de Fukushima no final do dia. A TEPCO, operadora da central nuclear – danificada após o sismo e tsunami de março de 2011 – garante ter tomado medidas adicionais para evitar novos casos de derrame de água contaminada para o oceano.

De acordo com as previsões meteorológicas, o tufão deve perder intensidade esta quarta-feira e pode transformar-se em tempestade tropical quando chegar ao Oceano Pacífico.