Última hora

Última hora

O cancro anda no ar poluído que respiramos

Em leitura:

O cancro anda no ar poluído que respiramos

Tamanho do texto Aa Aa

O ar que respiramos é cancerígeno. Suspeitas já tínhamos, agora é a prórpia Organização Mundial da Saúde (OMS) quem o confirma.

A Agência Internacional para a Investigação do Cancro aponta o dedo a diversos setores económicos que provocam poluição: transportes, indústria, agricultura e causas mais domésticas como cozinhar ou aquecer as habitações.

Dana Loomis, da Agência Internacional da Investigação do Cancro, alerta:

“O ar poluído que respiramos é cancerígeno. Não podemos fazer muito pelo ar que respiramos e somos todos responsáveis por isso. Penso que isto é importante para percebermos que precisamos de uma ação de saúde pública coletiva para resolvermos o problema”.

Os dados de que dispõe a agência mostram que em 2010, 223 mil pessoas morreram de cancro do pulmão por causas relacionadas com a poluição atmosférica.