Última hora

Última hora

China: PIB acelera no terceiro trimestre

Em leitura:

China: PIB acelera no terceiro trimestre

Tamanho do texto Aa Aa

A economia chinesa acelerou no terceiro trimestre. O ritmo revelou-se o mais elevado desde o início do ano, graças, mais uma vez, ao investimento.

Entre janeiro e setembro, o investimento representou 56% do crescimento da segunda economia mundial, contra 46% do consumo, que está assim longe de ser o desejado motor económico da China.

Entre julho e setembro, PIB cresceu 7,8%, em termos anuais, mais três décimas do que no trimestre precedente. Os dados colocam o crescimento dos primeiros nove meses do ano em 7,7%, o pior dos últimos 23 anos.

Andrew Economos, da divisão de gestão de ativos do JP Morgan, espera que “a longo prazo, talvez daqui a dois ou três anos, comecemos a ver uma desaceleração do PIB ainda mais forte, mas também para um patamar mais sustentável de, talvez, 5 a 6%”.

A aceleração foi, segundo os economistas, temporária.

Em setembro, Pequim registou uma estagnação do consumo e da produção industrial e uma queda inesperada das exportações. Ao mesmo tempo a inflação subiu para máximos de sete meses, o crescimento do crédito é preocupante e o yuan está a valorizar, o que torna a exportações chinesas menos competitivas.