Última hora

Última hora

Austrália: Nova Gales do Sul em estado de emergência por causa dos incêndios

Em leitura:

Austrália: Nova Gales do Sul em estado de emergência por causa dos incêndios

Tamanho do texto Aa Aa

Os violentos incêndios que lavram na região da Nova Gales do Sul, na Austrália, já queimaram cerca de 40 mil hectares de floresta e destruíram 208 casas.

Com as previsões meteorológicas de altas temperaturas e ventos de quase cem quilómetros, o evoluir da situação é preocupante.

Há cerca de meia centenas de incêndios a lavrar ao mesmo tempo, 15 dos quais sem controlo.

“As equipas continuam a fazer um trabalho extraordinário em todos os fogos no terreno. Como disse antes, durante esta tarde e noite estamos a executar estratégias de alto risco”, diz o chefe dos bombeiros, Shane Fitzsimmons.

As pilhagens das propriedades abandonadas são uma das consequências dos incêndios. As autoridades avisam:

“Em primeiro lugar, a polícia da Nova Gales do Sul vai lidar duramente com esta questão. Em segundo, é preciso que saibam que há penas muito pesadas. Uma pena de prisão que pode ir até 14 anos”.

A região está sob estado de emergência, o que autoriza os bombeiros a obrigarem as populações ameaçadas a abandonarem as residências.

As equipas de combate aos incêndios temem que, com a força do vento, três frentes de incêndio que lavram em Springwood, Mount Victoria e Lithgow, a cerca de duas horas de Sidney, venham a juntar-se numa só.

Esta é já considerada a pior crise de incêndios dos últimos 45 anos no sul da Austrália.