Última hora

Última hora

Egito: ataque mortífero contra cristão coptas no Cairo

Em leitura:

Egito: ataque mortífero contra cristão coptas no Cairo

Tamanho do texto Aa Aa

Pelo menos três mortos, entre os quais uma criança de oito anos, é o balanço de um ataque contra a comunidade cristã copta na capital do Egito.

Dois desconhecidos abriram fogo sobre um grupo de fiéis, à saída da Igreja de Nossa Senhora, no Cairo, onde acabava de se realizar um casamento.

Uma testemunha explica que viu “uma mulher sentada numa cadeira, com vários ferimentos de balas e sangue por todo o lado. Foi uma visão horrível. Havia muitas outras pessoas caídas à volta, entre as quais uma criança, com marcas de tiros na perna e no ombro”.

Segundo as autoridades, o ataque – não reivindicado – fez também pelo menos 12 feridos, dos quais quatro se encontram em estado crítico.

O sacerdote que conduzia a cerimónia que terminou de forma trágica afirma que “o que aconteceu é um insulto para o Egito e não apenas contra os cristão coptas. Estão a destruir o país. O que vão pensar as pessoas fora do Egito quando ouvirem falar no que aconteceu, contra uma igreja internacional”.

Os cristãos do Egito – na maioria coptas – são regularmente alvo de ataques desde a destituição de Mohamed Morsi. Os islamitas acusam os coptas de terem apoiado o golpe militar contra o presidente deposto.