Última hora

Última hora

Kerry recebido com poucos sorrisos em Paris

Em leitura:

Kerry recebido com poucos sorrisos em Paris

Tamanho do texto Aa Aa

Foi com um aperto de mãos e poucos sorrisos que o chefe da diplomacia francesa, Laurent Fabius, recebeu o secretário de Estado norte-americano, John Kerry, em Paris.

Na ementa do pequeno-almoço: as revelações que dão conta do acesso sistemático às comunicações telefónicas de cidadãos franceses por parte da Agência de Segurança Nacional dos Estados Unidos.

As informações tornadas públicas, na véspera, pelo jornal Le Monde levaram Paris a pedir explicações a Washington. Um apelo renovado, esta terça-feira.

O chefe de Estado francês que já falou com o homólogo norte-americano quer evitar que situações como estas se repitam e não é o único. Na última noite, o Parlamento Europeu deu um passo em frente na proteção de dados dos cidadãos na União Europeia.

“A aprovação da proposta reforça os direitos individuais dos cidadãos europeus já que as multas aplicadas às empresas infratoras podem chegar aos 5% das receitas globais anuais”, afirma o deputado Jan Philipp Albrecht dos Verdes.

Antes de serem aplicadas, as medidas têm ainda um longo caminho pela frente.

Na mira da nova legislação estão motores de busca, redes sociais e empresas prestadoras de serviços online.

A ideia é limitar o acesso a dados dos utilizadores europeus por parte de países como, por exemplo, os Estados Unidos.