Última hora

Última hora

Espanha: Greve de estudantes e professores

Em leitura:

Espanha: Greve de estudantes e professores

Tamanho do texto Aa Aa

Madrid e cerca de três dezenas de outras cidades espanholas foram sacudidas por uma greve de estudantes e professores do ensino secundário e universitário.

A paralisação ocorre após a aprovação, no passado dia 10, de uma polémica reforma da lei da educação que foi alvo de forte contestação da oposição e de associações de professores, estudantes e pais.

“ Estamos aqui para impedir a política de educação do governo que essencialmente é baseada em cortes, cortes e mais cortes. O governo está a tentar pagar com cortes sociais uma dívida ilegal por ele contraída”, disse um estudante.

“Acho que temos que avançar para ações mais diretas – administrativas e judiciais – porque em muitos dos casos a situação está no limite da ilegalidade absoluta”, afirmou um professor.

O Banco de Espanha confirmou que a economia espanhola saiu da recessão no terceiro trimestre do ano.

“São boas notícias, mas não sei que impacto terá em nós. Nem vamos dar por isso, não nos atingirá”, disse um desempregado.

Segundo o Instituto Nacional de Estatística espanhol o nível de desemprego baixou no terceiro trimestre cerca de três décimas, face ao trimestre anterior.