Última hora

Última hora

"Thor: The Dark World" estreia este mês

Em leitura:

"Thor: The Dark World" estreia este mês

Tamanho do texto Aa Aa

No muito anunciado “Thor: The Dark World” vê-se o ator Chris Hemsworth recuperar o seu papel, de super-herói. No filme,reaparecem também Natalie Portman e Tom Hiddleston.

Um mundo de trevas que continua as aventuras, no grande ecran, de Thor, o poderoso vingador, que luta para salvar a Terra e todos os nove reinos de um inimigo sombrio que antecede o próprio universo.

O ator quis manter traços do desempenho anterior:

“Os argumentistas, o realizador, como se sabe, estão por cima disto. Para mim, pessoalmente, o meu objetivo era não ter de fazer uma repetição do que tínhamos feito e, por isso, exigi uma evolução e uma versão mais madura dessa personagem, mas sem perder toda essa ingenuidade que ele representou, na primeira vez, com um grande humor”.

No rescaldo dos “Os Vingadores da Marvel”, Thor luta para restaurar a ordem em todo o cosmos. Mas uma raça antiga, liderada pelo vingativo Malekith, reaparece, para mergulhar o universo, de novo, na escuridão.

Confrontados com um inimigo que nem Odin, nem Asgard podem suportar, Thor teve de embarcar numa viagem, a mais perigosa de todas, que o irá juntar a Jane Foster e forçá-lo a sacrificar tudo para salvar a humanidade.

Um papel de grande exigência física, reconhece o protagonista:
:
“As cenas de combate são sempre desconfortáveis, como você sabe. A quantidade de vezes, neste filme, que amarram um arnês por cima de mim, com um cabo, à frente desta máquina, depois eles davam vivas, gritavam ação e eu a ser sacudido, pela sala, contra paredes e outras coisas!”..

Apesar de ser muito menor do que Hemsworth, Natalie Portman também usou o físico, como os outros atores, confrontado-se com eles, em igual plano, mostrando do que as mulheres são capazes, como ela própria diz.:

“Ele é um homem pesado, é realmente pesado. É difícil levanta-lo do chão. Há uma razão para Chris ter de me pegar (risos). Ele é muito, muito generoso… ele mostra que tem talento, e tem de ser capaz de usá-lo.”

“Thor: The Dark World” estreia no Reino Unido a 30 de Outubro e, uma semana depois, nos Estados Unidos.

Em finais de Novembro, estará nas salas brasileiras.