Última hora

Última hora

O museu do estereótipo

Em leitura:

O museu do estereótipo

Tamanho do texto Aa Aa

O Museu de etnografia de Zagreb, na Croácia, transformou-se num autêntico “museu do estereótipo” com uma exposição intitulada “Anedotas de louras, os estereótipo com que vivemos”.

Os alemães não têm sentido de humor e os franceses cheiram mal: estas são algumas das ideias pre-concebidas representadas na mostra croata através de fotografias, posters, vídeos e performances teatrais.

Um dos artistas convidados realizou uma série de mapas do mundo com os diferentes estereótipos de acordo com o país. Cada mapa representa o mundo visto por uma nação , por exemplo, pelos alemães, pelos franceses ou pelos ingleses.

“Vivemos num mundo repleto de estereótipos de que nem sequer nos apercebemos. Achamos que são naturais porque são algo corrente. O objetivo da exposição é chamar a atenção para essas questões”, explicou a comissária da exposição.

“A exposição foi concebida de forma a poder ser modificada ao longo do tempo para que os visitantes possam voltar ao museu para revisitar a mostra. O nosso objetivo é aumentar o número de visitantes”, acrescentou a responsável.

O evento integra uma performance teatral interpretada por um adepto de futebol e uma freira.

O público é convidado a deixar um testemunho ou a contar um anedota baseada num esterótipo.

A exposição pode ser visitada em Zagreb até Maio de 2014.