Última hora

Em leitura:

UE congratula-se com fortalecimento democrático na Geórgia


A redação de Bruxelas

UE congratula-se com fortalecimento democrático na Geórgia

A missão de observadores europeus para as eleições presidenciais da Geórgia atestou, esta segunda-feira, que decorreram de forma “positiva e transparente”.

Michael Mann, porta-voz da chefe da diplomacia europeia, disse à euronews que “é evidente o grande progresso na construção das instituições democráticas na Geórgia. Alguns observadores mencionaram pequenas irregularidades semelhantes às do passado, mas genericamente o quadro foi muito positivo”.

Com esta vitória, o partido Sonho Georgiano controla agora a presidência e governo e pretende reatar relações diplomáticas com a Rússia, cortadas depois de uma breve guerra em 2008.

A embaixadora da Geórgia para a União Europeia realça que “a Geórgia não tem sabido muito bem equilibrar as relações e os interesses com a Rússia, por um lado, e o Ocidente por outro. Penso que agora, a Geórgia vai apostar mais na tentativa de normalização das relações com a Rússia”, mas respondeu positivamente à questão sobre se continuará a ser um país pró-Ocidente.

De facto, a ex-república soviética, independente deste 1991, é um dos membros da Parceria de Leste criada pela UE e pretende assinar um acordo bilateral dentro de um ano.

Há pontos de vista diferentes para cada história: a Euronews conta com jornalistas do mundo inteiro para oferecer uma perspetiva local num contexto global. Conheça a atualidade tal como as outras línguas do nosso canal a apresentam.

Artigo seguinte

A redação de Bruxelas

Espionagem a Merkel domina Cimeira Europeia de Outono