Última hora

Última hora

Franceses raptados pela AQMI há três anos foram libertados

Em leitura:

Franceses raptados pela AQMI há três anos foram libertados

Tamanho do texto Aa Aa

O presidente francês, François Hollande, anunciou a libertação dos quatro franceses que tinham sido raptados em setembro de 2010, na localidade de Arlit, no norte do Níger.

As circunstâncias da libertação são para já desconhecidas, mas Paris agradeceu a colaboração das autoridades do Níger.

Os quatro reféns, trabalhadores da empresa nuclear Areva e de várias construturas francesas, tinham sido raptados por homens da AQMI, a Al-Qaida no Magreb Islâmico.

Paris enviou os ministros da Defesa e dos Negócios Estrangeiros a Niamey para acolher os quatro homens que deverão regressar a França esta quarta-feira.