Última hora

Última hora

Marmaray: Istambul festeja a luz ao fundo do túnel

Em leitura:

Marmaray: Istambul festeja a luz ao fundo do túnel

Tamanho do texto Aa Aa

Longe do simbolismo histórico e político, para os habitantes de Istambul, a abertura do novo túnel sob o Bósforo significa antes de mais um escape ao trânsito infernal, numa cidade de 14 mihões de habitantes.

“Vivo nesta cidade há 27 anos e todos os dias passo horas em engarrafamentos e na passagem sobre o Bósforo. Mas espero que com a abertura deste túnel a situação possa melhorar, e também com a abertura de uma terceira ponte sobre o estreito. Quanto mais estradas, melhor”.

“Eu espero uma melhoria no trânsito. No meu caso vou deixar de passar para o outro lado de carro”.

“É uma obra excelente, chamam-lhe o projeto do século pois concretiza o sonho dos nossos antepassados. É bom ter sonhos mas é muito melhor concretizá-los”.

O governo anunciou que as viagens no interior do túnel vão ser gratuitas durante os próximos 15 dias, um bónus em forma de teste, antes da instalação começar a funcionar com normalidade.

O correspondente da euronews na Turquia, relembra, “o túnel Marmaray que liga as duas margens de Istambul não vai apenas aliviar o trânsito na cidade, mas vai também unir as linhas de caminho de ferro da Europa e da Ásia”.