Última hora

Última hora

Depois de ataque suicida, autoridades da Tunísia detiveram 6 suspeitos de terrorismo

Em leitura:

Depois de ataque suicida, autoridades da Tunísia detiveram 6 suspeitos de terrorismo

Tamanho do texto Aa Aa

A Tunísia e o turismo do país, foram, esta quarta-feira, alvo de atentados terroristas que, felizmente, não fizeram vítimas.

Na cidade turística de Sousse, a 140 quilómetros ao sul de Tunis, a única vítima foi o kamikaze. De acordo com o ministério do interior um homem fez-se explodir numa praia deserta, depois de ter sido identificado pela polícia.

Cinco pessoas foram detidas, suspeitas de prepararem mais ataques.

Este é o primeiro ataque deste género, em mais de 10 anos, na Tunísia.

“São pessoas que querem destruir o turismo e a economia, mas com a ajuda de Deus não o conseguirão”, diz um habitante.

A polícia conseguiu igualmente evitar um outro ataque, na cidade de Monastir, que visava o sumptuoso mausoléu de Habib Bourguiba, e deteve o presumível terrorista.

Os atentados não foram reivindicados mas os seis detidos admitiram pertencer ao movimento Ansar Al-Sharia, ligado à Al-Qaida.