Última hora

Última hora

Talibãs paquistaneses decapitados

Em leitura:

Talibãs paquistaneses decapitados

Tamanho do texto Aa Aa

Hakimullah Mehsud, o líder dos talibãs paquistaneses, foi morto num ataque de ‘drones’ norte-americanos. A morte foi confirmada pelo movimento terrorista e pelas forças de segurança. O funeral está marcado para sábado à tarde.

Mehsud foi um dos quatro insurgentes mortos quando um ‘drone’ americano disparou sobre um veículo, situado à entrada de uma base talibã, perto de Miranshah, principal cidade do Vaziristão do Norte, feudo de grupos terroristas ligado à Al-Qaeda.

Um ataque de drones que ocorre no mesmo dia em que centenas de paquistaneses se reuniram, em várias cidades do país, para protestar contra estes aviões não tripulados. Manifestações convocadas pelo partido Jamaat-ud-Dawa, braço político do grupo que perpetrou os ataques de Bombaim, em 2008.

Na semana passada, o governo paquistanês apelara, mais uma vez, a Barack Obama para que ponha fim aos ataques com ‘drones’ no seu território. No entanto, em privado, os responsáveis paquistaneses terão reconhecido que este tipo de ataques pode ser útil para por fim à insurgência talibã no país.

Desde 2008, mais de 2100 insurgentes já terão sido mortos pelos ‘drones’ que fizeram, também, pelo menos, 67 vítimas civis – números que várias organizações consideram subestimados.