Última hora

Última hora

França: "Ecotaxa" volta a provocar protestos violentos na Bretanha

Em leitura:

França: "Ecotaxa" volta a provocar protestos violentos na Bretanha

Tamanho do texto Aa Aa

De gorro vermelho na cabeça, entre 10 a 30 mil patrões, funcionários e sindicalistas da indústria agroalimentar voltaram a envolver-se em confrontos com a polícia, numa manifestação na Bretanha contra a “ecotaxa”, um imposto a aplicar, em França, aos camiões mais poluentes.

Quimper e Carhaix voltaram a ser o epicentro de uma revolta que está a unir os pescadores aos diretores de empresas, passando pelos camionistas. Da esquerda à extrema-direita, todos se reúnem em torno dos “barretes vermelhos”, um símbolo já utilizado por camponeses bretões que se revoltaram contra um imposto que o rei-Sol, Luis XIV, lhes tentou impor no século XVII.

Isolado, à parte do apoio dos ecologistas, o governo socialista suspendeu a entrada em vigor da “ecotaxa”, mas os irredutíveis bretões querem “a retirada pura e simples da lei”.