Última hora

Em leitura:

Javier Clemente regressa ao trabalho na Líbia


Desporto

Javier Clemente regressa ao trabalho na Líbia

Javier Clemente já começou a trabalhar com a seleção de futebol da Líbia. O treinador espanhol, de 63 anos, estava sem trabalho desde outubro de 2011, quando foi despedido pelos Camarões e, agora, dois anos depois, assinou um novo contrato. O antigo selecionador de Espanha, que conduziu a Sérvia ao Euro 2008, assinou por dois anos com a Federação Líbia de futebol, podendo o contrato ser prolongado de acordo com os resultados.

Javier Clemente sucedeu no lugar de selecionador a Abdullah Hafidh al Rabich, que falhou este ano o apuramento da Líbia para o mundial de futebol do Brasil. O treinador, cujas conquistas no futebol datam da década de 80 ao serviço do Atlético de Bilbao, admitiu, contudo, que tem muito trabalho pela frente, se quiser atingir o primeiro objetivo proposto: qualificar a Líbia para a Taça das Nações Africanas de 2015.

“O futebol líbio esteve parado cerca de dois anos e por isso apresenta algumas deficiências. Mas tem um nível mais do que aceitável e jogadores jovens com qualidade. Só lhes falta, quem sabe, moldarem-se um pouco mais ao ritmo rápido do futebol europeu”, afirmou o espanhol no arranque dos trabalhos de campo com a seleção da Líbia.

O treinador espanhol, cujo salário foi mantido em segredo pela Federação líbia, está a residir em Tripoli há já algum tempo, garante que a capital daquele país africano, que ainda há dois anos foi alvo de uma revolta popular, é segura e que se sente bem no país.

Há pontos de vista diferentes para cada história: a Euronews conta com jornalistas do mundo inteiro para oferecer uma perspetiva local num contexto global. Conheça a atualidade tal como as outras línguas do nosso canal a apresentam.

Artigo seguinte

Desporto

Arte, beleza e desporto juntam-se num fiorde na Noruega