Última hora

Em leitura:

Ex-funcionários da ERT fazem emissão na rua


Grécia

Ex-funcionários da ERT fazem emissão na rua

A polícia grega antimotim tomou conta do edifício principal da antiga televisão estatal nos arredores de Atenas, e expulsou cerca de duzentas pessoas que se encontravam no seu interior. Ex-funcionários ocuparam o prédio desde que o governo fechou a ERT, e recusam desistir da luta. Ontem à noite apresentaram um boletim de notícias na rua rodeados por centenas de apoiantes.

“Estamos aqui, os funcionários para continuar a trabalhar! Nós trazemos-lhe a notícia e vamos continuar a informar os nossos telespectadores. Nos dias seguintes, vamos inventar maneiras de produzir programas de rádio e tv com a mesma dignidade, consistência e profissionalismo que tem caracterizado o nosso trabalho durante todo este tempo”.

“Temos de ser dignos de confiança das pessoas. Elas deram-nos força e têm sido muito favoráveis ​​desde o dia 11 de junho. Estamos de pé porque as pessoas têm abraçado o nosso esforço.”

Representantes de sindicato e partidos da oposição condenam a invasão da polícia e acusam o governo de não respeitar as regras democráticas e da liberdade de imprensa .

O correspondente da euronews explica que “na ralidade a empresa não encerrou porque os funcionários continuam ativos. A ERT está no ar! Esta é a mensagem de ex-funcionários que transformaram a avenida Mesogeion em estúdio de TV. Eles sabem que a situação é difícil, mas eles dizem que enquanto não venceram não desistem”.

Há pontos de vista diferentes para cada história: a Euronews conta com jornalistas do mundo inteiro para oferecer uma perspetiva local num contexto global. Conheça a atualidade tal como as outras línguas do nosso canal a apresentam.

Artigo seguinte

mundo

Belgas divididos sobre a eutanásia em menores