Última hora

Última hora

Madame Tussaud valoriza-se em bolsa

Em leitura:

Madame Tussaud valoriza-se em bolsa

Tamanho do texto Aa Aa

A empresa britânica de entreternimento Merlin de Madame Tussaud teve, esta sexta-feira, uma valorização em bolsa da ordem dos 13 por cento.

Em valores absolutos, isto representa um refinanciamento da 1.05 milhões de libras.

Foram transacionadas ações a um valor superior em nove veses o seu custo inicial.

Esta corrida dos investidores é justificada com os resultados que a empresa apresentou em 2012.

Os seus 99 parques de atrações, espalhados por 22 países tiveram uma afluência recorde de 54 milhões de visitantes. Isto representou um lucro líquido do exercício anual de 165 milhões de libras.

Um valor importante para a redução do passivo da empresa.

A procura excedeu a oferta. De tal modo que investidores que tinham dado ordens de compra para pacotes de 1000 ações tiveram de se contentar com 317.