Última hora

Última hora

Quénia: Mãe da adolescente violada fala à TV

Em leitura:

Quénia: Mãe da adolescente violada fala à TV

Tamanho do texto Aa Aa

No Quénia, a mãe da adolescente de 16 anos vítima de violação em grupo falou pela primeira vez à televisão, que mostrou também pela primeira vez imagens do fosso para onde a jovem foi atirada.

O choque foi ainda maior quando se soube que os autores escaparam praticamente impunes. Depois da queixa apresentada pela mãe, a única pena dada aos violadores foi apararem a relva à volta da esquadra da polícia.

“Perguntei à polícia o que havia de fazer, disseram-me que a levasse à farmácia. Lá, não lhe puderam fazer nenhum exame, disseram só que tomasse analgésicos. Uma semana depois, ela piorou e eu fiquei sem saber o que fazer, porque o assunto já estava resolvido”, contou a mãe da jovem.

Este caso aconteceu antes do verão, mas só agora a história chegou aos jornais e está a chocar o país. Foram organizadas várias manifestações, onde se pede justiça para a jovem e a condenação dos criminosos.