Última hora

Última hora

Grécia: Parlamento chumba moção de censura ao governo

Em leitura:

Grécia: Parlamento chumba moção de censura ao governo

Tamanho do texto Aa Aa

Na Grécia a moção de censura contra o Governo de coligação dirigido por Antonis Samaras, foi esta noite rejeitada durante uma votação no parlamento de Atenas, na conclusão de um debate iniciado na sexta-feira.

A favor da moção votaram 124 deputados, enquanto 153 rejeitaram o texto e 17 optaram pela abstenção.

“Vocês, Syriza, estão num beco sem saída. O país avança, a era da crise vai ficar para trás e as lutas no seio do vosso partido continuarão”, disse Samaras.

A iniciativa foi impulsionada pelo Syriza, principal força da oposição, e contou com o apoio parlamentar do Partido Comunista, da direita nacionalista e da extrema-direita.

“A Vossa política destruiu o país. A maioria das pessoas sofre e vive em desespero”, afirmou Alexis Tsipras líder do Syriza.

O Syriza apresentou uma moção de censura na quinta-feira, após a intervenção da polícia de choque na sede da antiga televisão pública ERT.

O resultado constitui uma vitória para a coligação no poder numa altura em que o executivo negoceia com os representantes da “troika” um novo pacote de austeridade em troca da próxima parcela do resgate financeiro.

“Sob o espetro de duras negociações com a “troika”, que deixam transparecer um grande distanciamento entre Atenas e os credores estrangeiros, o Governo grego obteve finalmente um voto de confiança. Contudo, muitos deputados criticaram severamente a política governamental e disseram que o seu voto era de tolerância”, reportou Nikoletta Kritikou, da Euronews, em Atenas.