Última hora

Última hora

Hezbollah "até ao fim" com Bashar el-Assad

Em leitura:

Hezbollah "até ao fim" com Bashar el-Assad

Tamanho do texto Aa Aa

O Hezbollah prometeu lutar ao lado de Bashar el-Assad até ao fim.

Num comício em Beirute para celebrar o Ashura, uma das mais importantes festas do calendário xiita, o líder do movimento, Hassan Nasrallah, prometeu fidelidade ao regime de Bashar el-Assad.

Nasrallah afastou qualquer hipótese de retirada da Síria, uma condição imposta por alguns para a formação de um governo no Líbano, que está sem executivo há sete meses.

“Como já disse várias vezes, a nossa presença na Síria, a presença dos nossos combatentes e mujaedines serve para proteger o Líbano, a Palestina e a causa palestiniana. A Síria é um bastião e um apoio a essa resistência”, disse o líder do movimento xiita.

O Hezbollah tem tido um papel importante na guerra civil da Síria, com os combatentes do movimento xiita a lutarem ao lado das tropas governamentais. O apoio do Hezbollah foi fundamental para a tomada da cidade de Quasair aos rebeldes.

O comício de Nasrallah foi acompanhado por uma forte presença do exército libanês, que se mostrou nos bairros sul de Beirute pela primeira vez desde o atentado de agosto.

Na altura, a explosão de um carro armadilhado nesta zona, um bastião do Hezbollah, fez 27 mortos. O atentado foi reivindicado por um um pequeno grupo sunita.