Última hora

Última hora

EUA: Caroline Kennedy a nova embaixadora no Japão

Em leitura:

EUA: Caroline Kennedy a nova embaixadora no Japão

Tamanho do texto Aa Aa

Caroline Kennedy, a filha do antigo presidente norte-americano, John Fitzgerald Kennedy, assumiu, esta sexta-feira, o cargo de embaixadora dos Estados Unidos da América no Japão.

A diplomata entra em funções numa altura em que os Estados Unidos procuram aumentar a presença na Ásia, através de um ambicioso pacto de livre comércio.

“Estou muito orgulhosa por levar adiante o legado de serviço público do meu pai. Ele tinha a esperança de ser o primeiro presidente dos Estados Unidos a visitar o Japão. Portanto, é uma grande honra, para mim, ter a oportunidade de trabalhar para estreitar os laços entre os nossos dois grandes países “.

Caroline Kennedy, de 55 anos, assume o posto dias antes do quinquagésimo aniversário do assassinato do pai, a 22 de novembro de 1963, em Dallas, Texas.

A diplomata é a única filha sobrevivente do malogrado chefe de Estado, que foi assassinado quando Caroline estava prestes a completar seis anos.

A relação da nova embaixadora com o Japão limita-se à lua-de-mel que passou no país, em 1986, e a uma viagem, quando tinha 20 anos, com o tio, o falecido senador Edward Kennedy, à cidade de Hiroxima.

Cinquenta anos depois de ter sido assassinado, John F. Kennedy continua a fascinar os norte-americanos, ao simbolizar um ideal político interrompido de modo inesperado.