Última hora

Última hora

JP Morgan paga 13 mil milhões de dólares no caso "subprimes"

Em leitura:

JP Morgan paga 13 mil milhões de dólares no caso "subprimes"

Tamanho do texto Aa Aa

Multa recorde. Treze mil milhões de dólares, cerca de 9,6 mil milhões de euros, é quanto o JP Morgan Chase vai pagar às autoridades dos Estados Unidos para pôr fim às queixas relativas aos empréstimos imobiliários de risco, conhecidos como “subprimes”.

Segundo o acordo, agora anunciado, o maior banco americano em termos de ativos reconhece ter escondido a má qualidade das hipotecas e títulos garantidos que vendia.

O professor John Coffee, da Universidade de Colombia, recorda que a multa “é mais do triplo dos quatro mil milhões impostos à British Petroleum, que é vice-campeã. Isto mostra uma atitude mais dura da parte do governo norte-americano. Mas, ao mesmo tempo, esta é multa recorde sem que alguém identifique quem são os dirigentes culpados de decisões más e criminosas”.

Os “subprimes” estiveram na origem da crise financeira mundial de 2008.

Integrado na multa recorde estão quatro mil milhões de dólares que o banco terá de pagar em indemnizações a particulares.

Mas o JP Morgan conseguiu um bom acordo, pois metade da soma poderá ser deduzida dos impostos.