Última hora

Última hora

Malala recebe prémio Sakharov para os Direitos Humanos

Em leitura:

Malala recebe prémio Sakharov para os Direitos Humanos

Tamanho do texto Aa Aa

Malala Yousafzaï, a jovem paquistanesa de 16 anos alvo de tentativa de assassinato pelos Talibãs, recebeu nesta quarta-feira o prémio Sakharov para os Direitos Humanos.

A cerimómia decorreu no Parlamento Europeu e o galardão foi-lhe atribuído pela luta que tem desenvolvido a favor da educação das crianças paquistanesas e do resto da Ásia.

Símbolo da luta contra o extremismo religioso, Malala, de 16 anos, recebeu fortes aplausos.

“Dedico este prémio aos heróis desconhecidos do Paquistão e pessoas de todo o mundo que lutam pelos direitos humanos básicos.
Tenho esperança de que através da nossa unidade e determinação, podemos alcançar os nossos objetivos e ajudar os 57 milhões de crianças que precisam de nós e essas crianças não querem um iPhone, um X-Box, um PlayStation ou chocolates, elas só precisam de um livro e uma caneta”

Por ter denunciado as leis impostas pelos Talibãs entre 2007 e 2009 na região do Vale do Swat, noroeste do Paquistão, e defendido o direito das meninas irem à escola, Malala Yousafzai foi alvo de um ataque em 9 de outubro de 2012, quando voltava a casa num autocarro escolar.