Última hora

Última hora

Tchim-tchim! À saúde do Beaujolais 2013!

Em leitura:

Tchim-tchim! À saúde do Beaujolais 2013!

Tamanho do texto Aa Aa

“Le Beaujolais nouveau est arrivé” – que é como quem diz: “O novo Beaujolais chegou”.

É assim a tradição: todos os anos, a partir da meia-noite da terceira quinta-feira de novembro, apreciadores e neófitos do mundo inteiro podem finalmente provar o Beaujolais do ano.

Os primeiros a provar o precioso néctar foram, como sempre, os japoneses – graças à diferença horária -, que representam, aliás, o primeiro mercado mundial do Beaujolais.

Apesar da vindima tardia, a colheita deste ano proporcionou 200.000 hectolitros.

Repartidos por 10 castas e 12 denominações de origem, este vinho tinto novo e leve, normalmente frutado – que os enólogos recusam classificar de “grande vinho” – é exportado da região francesa do Beaujolais, perto de Lyon, para o mundo inteiro.

O ano passado, só os japoneses importaram 8,8 milhões de garrafas.