Última hora

Última hora

Na hora das mudanças económicas

Em leitura:

Na hora das mudanças económicas

Tamanho do texto Aa Aa

O maior banco dos Estados Unidos chegou oficialmente a um acordo com as autoridades. JP Morgan vai pagar 13 mil milhões de dólares – a maior multa de sempre- para pôr fim às acusações sobre as hipotecas tóxicas que vendeu. Os mesmos produtos financeiros que provocaram a crise mundial.

“Mais mercado, menos Estado”: as palavras são comuns entre os políticos conservadores nas grandes democracias. Mas é bem diferente quando o Partido Comunista chinês decide adotá-las para reformar a economia na próxima década.

As reformas também foram fundamentais para a nova competitividade em Espanha. Apesar das duras medidas de austeridade, as exportações estão a ajudar o país a sair da recessão e deixam antever uma aceleração do crescimento no próximo ano. O problema é que o mercado de trabalho espanhol não está ainda na via da retoma.

Estas são as principais notícias da semana. Vamos discuti-las com Nejra Cehic, da Bloomberg, nesta edição de Business Weekly.