Última hora

Última hora

China criou área de defesa aérea que inclui as ilhas Senkaku/Diaoyu

Em leitura:

China criou área de defesa aérea que inclui as ilhas Senkaku/Diaoyu

Tamanho do texto Aa Aa

A China anunciou este sábado a criação de uma área de defesa aérea que inclui as ilhas controladas pelo Japão, mas reivindicadas por Pequim.

A zona cobre grande parte do Mar da China Oriental, entre a Coreia do Sul e Taiwan, incluindo as ilhas Senkaku, segundo a denominação japonesa, mas reivindicadas pela China sob o nome de Diaoyu.

“Esta é uma medida necessária à China no exercício do seu direito à autodefesa. Não é dirigida especificamente a um país ou objetivo e não afeta a liberdade de voar no referido espaço aéreo”, disse o porta-voz do ministério chinês da Defesa.

Todos os aviões que cruzem a nova zona de defesa aérea deverão cumprir certas obrigações, sob pena de uma intervenção militar.

Esta ação do governo chinês provocou de imediato os protestos de Tóquio.

Na sexta-feira, quatro navios da Guarda Costeira chinesa entraram em águas territoriais das ilhas após o ministro japonês da Defesa ter considerado em fins de outubro que esse tipo de incursões chinesas ameaçava a paz na região.

Há cerca de um ano, as relações entre o Japão e a China deterioraram-se consideravelmente devido a este conflito territorial.