Última hora

Última hora

Eleições no Mali sem incidentes

Em leitura:

Eleições no Mali sem incidentes

Tamanho do texto Aa Aa

A primeira volta das eleições legislativas no Mali decorreu de forma calma e sem grandes incidentes.

Apesar de tudo, o entusiasmo dos eleitores baixou desde as presidenciais de há três meses, que marcaram o regresso do país à normalidade democrática.

O governador da região de Tombouctou, Mamadou Mangara, mostrou-se satisfeito: “Este parece ter sido o ano em que as coisas melhoraram de facto. Depois das presidenciais, tivemos umas eleições legislativas bem organizadas. Tenho que dar os parabéns ao povo e a todos os envolvidos”.

Apesar de alguns incidentes com independentistas tuaregues no norte do país, a forma com que as eleições decorreram deixou esperança aos observadores internacionais, tendo em conta que ainda há alguns meses o país estava envolvido num conflito que obrigou à intervenção das tropas francesas: “A maioria dos observadores não se arriscaria a apostar num prazo tão curto de regresso à normalidade. Mesmo se esse regresso ainda não é a 100%, já que há ainda desafios importantes nos planos político, social e económico, esta é uma passagem obrigatória”, disse Louis Michel, enviado da União Europeia.

A esta primeira volta das legislativas concorreram mais de mil candidatos, de cerca de 50 partidos, para ocupar os 147 lugares no parlamento do Mali.