Última hora

Última hora

Moradores de Fukushima à espera de realojamento

Em leitura:

Moradores de Fukushima à espera de realojamento

Tamanho do texto Aa Aa

Mais de dois anos após o desastre nuclear do Japão, milhares de moradores de Fukushima continuam desabrigados devido à complexa operação de limpeza.

Descontaminar as onze áreas mais poluídas vai custar 1.300 mil milhões de ienes a partir deste ano. Apenas a ponta do iceberg quando o orçamento final for calculado.

O supervisor de operação de descontaminação explica: “É muito difícil a arrumação dos materiais contaminados. Este é o maior problema. Outra coisa é que, apesar de várias operações de descontaminação, a radiação não pode ser eliminada de uma vez por todas.”

A contaminação radioativa deixou muitas áreas inabitáveis, para os moradores a espera é longa.

“Eu sinto-me abatida porque não podemos voltar à vida de antes. Somos uma família obrigada a viver separadamente. Nada foi ainda feito para que recuperássemos a vida de antes.”

“Eu tenho filhos. Espero que a poluição seja resolvida o mais rápido possível, para que eu possa ter a minha vida de volta”

Os técnicos enfrentam um verdadeiro quebra-cabeças.

O funcionamento do novo sistema de depuração de água de partículas radioativas, na central Fukushima 1 foi parcialmente interrompido para eliminar as falhas detetadas no sistema.