Última hora

Última hora

Nick Lowe com disco de Natal

Em leitura:

Nick Lowe com disco de Natal

Tamanho do texto Aa Aa

Nick Lowe não se deixava arrebatar do espírito de Natal. Mas a sua editora americana sugeriu-lhe que fizesse um álbum de férias.

Para os músicos na sua Inglaterra nativa, álbuns de férias não são o mais apetecível. Mas ele cedeu:

“Muitas pessoas fazem registos de Natal, um single, mas um CD é visto como um pouco desesperado. Ao longo da tarde desse dia, comecei a analisar os meus sentimentos e disse: bem…espere um minuto, isto poderá ser uma grande oportunidade para fazer qualquer coisa que nunca faria, uma chance de ser muito bom, pelo menos, serei capaz de trabalhar num nível diferente”.

O disco é uma mistura de goes-down, fácil, de rockabilly, cantarolado, misturando o acústico com o Evangelho.

Entre as 12 canções, “Silent Night” é a única conhecida.

“Nós queríamos evitar as 12 músicas que todo mundo faz, quase sempre. E se vamos fazer músicas muito familiares, queríamos vesti-las com um novo conjunto de roupas”.

Lowe também sabia que não importava ser muito original. Ele queria preservar o espírito de um dia santo.

“O Natal é o tipo de quadra muito especial, é o maior cliché que há, realmente, e tem de se participar nele. Se é demasiado arty, não é muito bem visto. E eu acho que não se pode ser muito snobe, com isto”.

A canção “Natal no Aeroporto” fala de um viajante, talvez Jesus Cristo, saído de uma reunião para um ‘cocktail’, dois séculos depois do seu nascimento.

O álbum especial de Natal de Lowe já está disponível.