Última hora

Última hora

"Lone survivor": um sobrevivente no Afeganistão

Em leitura:

"Lone survivor": um sobrevivente no Afeganistão

Tamanho do texto Aa Aa

“Lone Survivor” baseia-se na história verídica de um elemento da força especial da marinha norte-americana no Afeganistão. Marcus Luttrell foi o único sobrevivente de uma embuscada em que três homens perderam a vida.
O filme realizado por Peter Berg baseia-se no livro escrito pelo próprio militar.
“Lone Survivor” estreou no início da semana em Nova Iorque.

“Para os atores foi importante saber que apesar de terem trabalhado arduamente, é impossível comparar-se a elemento da marinha norte-americana. Mas era preciso ter uma idea do que eles viveram para tentar retratar essa realidade”, contou Peter Berg.

A missão norte-americana tinha como objetivo capturar, ou matar, o líder talibã Ahmad Shahd. Para os atores, o filme foi um enorme desafio.

“Foi um grande desafio fazer um filme sobre o Afeganistão que se passa a 4000 metros de altitude. Do ponto de vista logístico foi difícil mas claro não foi nada que se compare ao que eles viveram e aos sacríficios que fizeram”, disse Mark Wahlberg.

“Foi um grande desafio, o mais importante era reconhecer o mérito que eles tiveram para que as famílias tivessem orgulho neles, foi essa a nossa motivação”, afirmou Taylor Kitsch.

“Senti uma grande pressão para contar a história deles corretamente, são forças de elite da marinha que viveram e morreram, tinham família e amigos que vão ver o filme”, contou Emile Hirsch.

O filme chega às salas de cinema norte-americanas a 25 de Dezembro e estreia em Portugal a 20 de Fevereiro.