Última hora

Última hora

Marraquexe presta homenagem a cinema escandinavo

Em leitura:

Marraquexe presta homenagem a cinema escandinavo

Tamanho do texto Aa Aa

Martin Scorsese, presidente do júri do Festival Internacional de Cinema de Marraquexe, acaba de terminar a montagem do último filme, “O lobo de Wall Street”.

“Sempre me senti inspirado por realizadores que contam uma história de forma diferente dos outros, que conseguem ver a vida de uma maneira especial e interpretá-la do ponto de vista visual e narrativo, essa forma especial de contar uma história com imagens é algo que me inspira. É isso que se espera, que seja uma nova voz, que signifique algo para o espetador, e que tenha um impacto emocional ou intelectual”, afirmou Scorsese.

Outro dos elementos do júri é a atriz francesa Marion Cottillard.

“Não se trata para mim de julgar os filmes, vejo mais o meu papel como uma oportunidade para ver flmes diferentes que nunca teria visto se não fizesse parte do júri.
Apetece-me ser uma espetadora normal que vê filmes”, disse a atriz francesa.

O Festival prestou homenagem ao cinema escandinavo. Martin Scorsese entregou um galardão à delegação escandinava.

O realizador sueco Tomas Alfredson foi um dos artistas convidados para representar o cinema dos países escandinavos.

“É fantástico reunir tantas pessoas da nossa região e é um gesto muito generoso ser convidado para estar aqui”, disse Tomas Alfredson.

“Sentimo-nos orgulhosos e muito felizes com este tributo aos filmes escandinavos.
Claro que olhamos uns para os outros e dizemos que somos diferentes uns dos outros, mesmo na Dinamarca há cineastas tão diversos”, disse o ator dinamarquês Mads Mikkelsen.

O rol das homenagens prosseguiu com a distinção entregue a Mohammed Khouyi, uma das grandes figuras do cinema marroquino.

“Agradeço a todas as pessoas que tiveram a ideia de prestar homenagem ao ator Mohamed Khouyi. É uma homenagem à minha pessoa mas também a todos os atores, cineastas, realizadores, técnicos, escritores marroquinos, que têm um papel importante na indústria cinematográfica em Marrocos”, disse Mohamed Khouyi.

“La source des femmes” é um dos filmes recentes que marca a carreira do ator marroquino.