Última hora

Última hora

Manifestantes resistem ao frio em Kiev

Em leitura:

Manifestantes resistem ao frio em Kiev

Tamanho do texto Aa Aa

O presidente da Ucrânia quer uma reunião com a oposição para terminar com os protestos em Kiev, mas a tensão continua e os manifestantes prepararam barricadas para o caso de uma intervenção policial.

O líder da oposição pediu que os protestos se mantenham firmes e para isso estão a ter o apoio de proprietários de cafés e restaurantes da cidade.

“O restaurante é um lugar livre da política e dos partidos políticos. É um lugar para que todos possam relaxar e ter algo para comer. Não perguntamos aos clientes a que partido pertencem”, afirma a proprietária de um restaurante em Kiev.

“Eu vim aqui para fazer uma pausa das tarefas revolucionárias e tomar um café. Também podia ter o café nas barricadas, mas aqui pode-se recarregar baterias”, explica um manifestante.

“Nós não estávamos contra os proprietários dos cafés ou empregados. Pelo contrário, eles abrem-nos as portas para usarmos a casa de banho e oferecem-nos bebidas quentes”, acrescenta outro manifestante.

Os cafés e restaurantes no centro de Kiev oferecem aos manifestantes chá e café, acesso à Internet e oportunidade para se aquecerem.