Última hora

Última hora

Egito: Ahmed Shafik e filhos de Mubarak absolvidos em tribunal

Em leitura:

Egito: Ahmed Shafik e filhos de Mubarak absolvidos em tribunal

Tamanho do texto Aa Aa

Ahmed Shafik, o antigo primeiro-ministro do Egito dos tempos do presidente Hosni Mubarak, foi absolvido esta quinta-feira por um tribunal egípcio, que anunciou a decisão sem a presença do réu.

Candidato presidencial derrotado nas eleições de 2012, cerca de um ano depois de Hosni Mubarak ter sido derrubado do governo, Ahmed Shafik foi agora absolvido de um crime de corrupção de que estava acusado e por uma alegada venda ilícita de terrenos aos filhos de Mubarak.

Ala e Gamal Mubarak, por sua vez, foram também absolvidos pelo tribunal esta quinta-feira. A decisão foi celebrada assim que foi anunciada dentro do tribunal pelos apoiantes da família Mubarak.

O Egito é atualmente governado pelo general Abdel Fatah al Sisi, cujo executivo militar estará a preparar novas eleições presidencias para o próximo ano. A candidatura de Al Sisi não está prevista, mas também não está descartada. Ainda assim, se Shafik for também absolvido de outra acusação que tem pendente é possível que aceite regressar ao Egito e recandidatar-se à presidência, vaga desde que o último eleito democraticamente para o lugar, o islamita Mohamed Mordi, foi destituído e está mesmo preso por alegada traição.

Se avançar, Shafik poderá, contudo, enfrentar Gama Mubarak, o filho do antigo presidente que os apoiantes da família esperam ver candidatar-se ao lugar em 2014 e restituir a governação ao clã Mubarak.