Última hora

Última hora

Rebeldes controlam capital de Estado petrolífero do Sudão do Sul

Em leitura:

Rebeldes controlam capital de Estado petrolífero do Sudão do Sul

Tamanho do texto Aa Aa

O governo do Sudão do Sul admitiu ter perdido o controlo de Bentiu, a capital do Estado crucial de Unity, região petrolífera que alimenta a quase totalidade do orçamento do país.

A comunidade internacional multiplica esforços para evitar que o confronto que opõe o poder em Juba aos rebeldes do ex-vice-presidente Riek Machar se transforme numa guerra civil em larga escala.

O chefe da diplomacia do Sudão do Sul diz que “Machar conseguiu escapar pelo Nilo até à sua aldeia, Adok, a partir da qual lançou um ataque contra as instituições governamentais em Bentiu”.

Os Estados Unidos retiraram os seus cidadãos de Bor e reforçaram o contingente militar, depois do ataque que feriu quatro soldados norte-americanos na cidade. O presidente Barack Obama disse que, “se necessário”, poderão ser tomadas novas medidas.

O conflito entre Machar e o presidente Salva Kiir eclodiu a 15 de Dezembro. Só na capital, Juba, os combates fizeram mais de 500 mortos. O chefe das operações humanitárias da ONU no Sudão do Sul fez referência a “centenas de milhares” de deslocados através do país.