Última hora

Última hora

Colorado legaliza canábis

Em leitura:

Colorado legaliza canábis

Tamanho do texto Aa Aa

A venda de canábis é, desde este primeiro dia de 2014, legal, no Estado norte-americano do Colorado.

A lei, aprovada em novembro último, autoriza a abertura dos chamados “coffe-shops”, onde quem tem mais de 21 anos pode comprar legalmente até 28 gramas de canábis de cada vez.

Para Sean Azzariti, um veterano de guerra, é uma boa notícia: “Eu uso a canábis de forma recreativa para aliviar o meu stress pós-traumático. E isto é um passo para que os outros Estados ajudem os veteranos também.”

O próximo Estado na lista deverá ser o de Washington, onde as primeiras lojas abrirão até à primavera.

A legalização da canábis permitirá aos Estados uma entrada de receitas não negligenciável, como explica Betty Aldworth, da “Yes on 64”, a associação da indústria norte-americana de canábis: “Aqui no Colorado, prevemos cerca de 400 milhões de dólares de vendas, ao longo do próximo ano. Em todo o país, a indústria da marijuana vai criar mais de dois mil milhões de dólares de atividade económica.”

Até aqui, 19 Estados norte-americanos autorizavam a venda terapêutica de marijuana mas, em termos recreativos, o uso e comércio desta droga era alvo de repressão.

Ao legalizar a venda, o Colorado segue o caminho apontado pela Organização dos Estados Americanos – que reúne todos os países do continente, exceto Cuba -, que convida a refletir sobre a legalização da canábis, como forma de erradicar o tráfico.