Última hora

Última hora

O que pode acontecer a Schumacher?

Em leitura:

O que pode acontecer a Schumacher?

Tamanho do texto Aa Aa

Os médicos do Hospital de Grenoble têm-se recusado a fazer prognósticos sobre a evolução do estado de saúde de Michael Schumacher, que sofreu, no passado domingo, um traumatismo craniano num acidente de esqui nos Alpes franceses.

Na conferência de imprensa de terça-feira, os clínicos mostraram-se surpreendidos com a “ligeira melhoria” que permitiu uma segunda intervenção cirúrgica, mas frisaram sempre que o antigo piloto de Fórmula 1 continua entre a vida e a morte. Esta quarta-feira, a manager de “Schumi”, Sabine Kehm, disse que a situação é estável.

Mas o que pode acontecer a Schumacher? Afastando o pior cenário, o da sua morte, o piloto pode ficar com sequelas: problemas cognitivos, perdas de memória; paralisia, perda de equilíbrio ou epilepsia.

O “kaiser” foi submetido a duas operações nos dias 29 e 30 de dezembro. Na primeira foi aberta uma secção do crânio para aliviar a pressão, enquanto na segunda foi feita uma drenagem para reduzir a pressão do sangue ou de outros líquidos.

A localização das lesões não foi especificada.

Os médicos só darão outra conferência de imprensa quando houver alterações que o justifique.

A Agência France-Presse criou esta ilustração em que explica o caso de Michael Schumacher.