Última hora

Última hora

Kerry regressa ao Médio Oriente

Em leitura:

Kerry regressa ao Médio Oriente

Tamanho do texto Aa Aa

John Kerry chegou a Israel naquela que é a sua 10a viagem num ano.
O objetivo é encontrar pontos em comum entre israelitas e palestinianos para reavivar o moribundo processo de paz israelo-palestiniano.

O secretário de Estado norte-americano encontrou-se com o primeiro-ministro israelita, Benhamin Netanyahu.

A paz depende das fronteiras de um futuro estado palestiniano, da segurança e dos refugiados, temas difíceis mas inevitáveis. “O tempo para os líderes tomarem decisões dificeis está a chegar. Estamos próximos desse tempo. Todos nós sabemos as circunstâncias dificeis em que trabalhamos”, declarou Kerry.

Ao mesmo tempo, uma multidão percorreu as ruas de Gaza em protesto contra a presença do chefe da diplomacia norte-americana e para pressionar os negociadores palestinianos.

“Estamos a manifestar-nos para pedir ao negociador chefe palestiniano que se retire de imediato das negociações, que deixe de ser explorado pelo inimigo Israel para disfarçar o aumento dos colonatos e do judaísmo”, afirmou Saleh Zedan, líder da Frente Democrática para a Libertação da Palestina.

John Kerry tem uma tarefa complicada nos quatro meses que restam para estabelecer uma data para um acordo final num conflito que dura há várias décadas.