Última hora

Última hora

Portugal está de luto com morte de Eusébio

Em leitura:

Portugal está de luto com morte de Eusébio

Tamanho do texto Aa Aa

Vítima de uma paragem cardiorrespiratória, Eusébio morreu na madrugada deste domingo aos 71 anos, mas permanece mais vivo do que nunca na memória coletiva.

As homenagens que recordam o “Pantera Negra” multiplicam-se em Portugal e no mundo.

Eusébio da Silva Ferreira nasceu em Lourenço Marques, atual Maputo, em 1942, e viria a tornar-se numa glória do futebol lusitano ao serviço do Benfica.

Em 1965 ganhou a Bola de Ouro, o primeiro jogador negro a obter esta distinção. Conquistou mais tarde duas Botas de Ouro. No Mundial Inglaterra de 1966 foi considerado o melhor jogador da competição, na qual foi o melhor marcador, com nove golos.

Numa comunicação ao país, o presidente da República disse que a “nação está de luto.” Cavaco Silva lembrou ainda que a melhor forma de homenagear Eusébio é “seguindo o seu exemplo, como atleta e como ser humano.”

No Estádio da Luz, as flores que se amontoam traduzem a admiração pelas glórias alcançadas por Eusébio. O funeral realiza-se às 17h00 desta segunda-feira no cemitério do Lumiar.