Última hora

Última hora

Curdos manifestam-se em Istambul e Paris contra a França

Em leitura:

Curdos manifestam-se em Istambul e Paris contra a França

Tamanho do texto Aa Aa

Várias centenas de curdos manifestaram-se, esta quinta-feira, em Istambul – mas também em Paris -, contra a lentidão da justiça francesa.

Exigem “verdade” e “justiça” para três militantes curdas do PKK, assassinadas há exatamente um ano, em Paris. Fidan Dogan, Sakine Cansiz e Leyla Saylemez foram mortas a tiro, no próprio Centro de Informação Curda.

Um suspeito foi, entretanto, detido, pelas autoridades francesas, mas, um ano volvido, os curdos ainda não têm respostas sobre a autoria e o móbil do triplo assassinato.

Se em Paris a manifestação decorreu de forma pacífica, na Turquia ela degenerou em confrontos com a polícia.

Em Istambul, os manifestantes, que se reuniram inicialmente na Praça Galatasary, quiseram depois marchar ao longo da avenida Istiklal até ao consulado francês, o que foi proibido pelas forças da ordem.

A polícia de choque interveio então com canhões de água, granadas de gás lacrimogéneo e balas de borracha, para obrigar a multidão a dispersar-se.