Última hora

Última hora

Mourinho e Cristiano Ronaldo na rota do título, Seedorf estreia com vitória

Em leitura:

Mourinho e Cristiano Ronaldo na rota do título, Seedorf estreia com vitória

Tamanho do texto Aa Aa

Bem vindos ao “The Corner”, programa desportivo semanal da euronews. Neste segundo episódio da nossa viagem pelo futebol europeu, vamos ver o que se passou no regresso da Eridivisie na Holanda, o empate dos dois lideres da Liga Espanhola, a goleada do Chelsea de José Mourinho ao Manchester United e a estreia de Clarence Seedorf em Itália.

Mourinho e Eto’ afundam Manchester United

Em Inglaterra, o Chelsea venceu os rivais do United em Stamford Brigde. A tarde foi de Samuel Eto’. Depois de um início de temporada dececionante, o camaronês apontou três golos ao United e provou a José Mourinho estar mais do que adaptado à Premier League. Sem Rooney e Van Persie, os Diabos Vermelhos não puderam fazer muito contra uma equipa que dominou completamente o encontro. Chicharito Hernandez salvou a honra dos campeões ingleses. A partida terminou 3-1 para os blues e David Moyes não consegue sair de uma crise negra de resulados.

Com 49 pontos, o Chelsea voltou a aproximar-se do Manchester City (50) e Arsenal (51). Os gunners venceram o Fulham com dois golos de Cazorla, enquanto os homens de Manuele Pellegrini assinaram mais uma goleada, desta vez contra o Cardiff. Com Liverpool e Tottenham fora da corrida, a Premier League deverá ser decidida entre estas três equipas.

Ajax e Vitesse conservam liderança

Vamos agora para a Holanda, onde depois de um mês de paragem, a Eredivisie está de volta. Ano novo, tudo igual na classificação geral. Os lideres Ajax e Vitesse venceram. A equipa de Amesterdão conquistou três pontos muito importantes este domingo ao triunfar no clássico contra o PSV por 1-0.

Ajax e Vitesse partilham a liderança com 40 pontos cada. O Twente segue de perto, com menos 3 pontos, e o Feyenoord, que marcou 5 golos ao Utrecht, em quarto lugar, com 36 pontos.

CR7 e Ancelotti sorriem com empate dos lideres

Na Espanha, o único a sorrir este fim de semana foi Carlo Ancelotti ao ver o Real Madrid beneficiar com os empates de Barcelona e Atlético de Madrid. Numa liga, onde servem cerca de 100 pontos para garantir o título, o Barcelona perdeu dois pontos importantes no terreno do Levante em Valência. Com Messi apagado e sem Neymar, a equipa de Tata Martino não conseguiu mais do que um empate a um golo. O Levante vingou a humilhação pela goleada de 7-0 sofrida no primeiro jogo do campeonato em Camp Nou.

Pouco depois, o Atlético de Madrid entrou em campo consciente de que poderia abrir vantagem sobre os catalães, mas falhou o objetivo. A equipa de Simeone sentiu a pressão e empatou a um golo com o Sevilha no Calderón. Os dois lideres conservam a liderança com 51 pontos, mas viram o Real Madrid recuperar quatro pontos nas últimas duas jornadas. Os merengues golearam o Betis por 5-0 e têm 50.

Seedorf e Balotelli, dupla funciona

Em Itália, Seedorf arrancou com o pé direito como treinador do Milan. Em San Siro, os rossoneri bateram o Hallas Verona, uma das sensações da Serie A, por 1-0. Mario Balotelli converteu o penalti que deu vantagem ao Milan e dedicou o gol ao novo técnico. No final do encontro, Seedorf pediu aos jogadores que se abraçassem no balneário, agradeceu pela primeira vitória da nova era do Milan, mas avisou que o caminho será muito longo. O treinador holandês devolveu a alegria a San Siro, mas nada mudou na classificação geral. O Milan permanece no 11º lugar, a 30 pontos da líder Juventus. No sábado, os bianconeri alcançaram a 12ª vitória consecutiva. A Roma venceu o Livorno e é segunda a oito pontos da Juventus.

Guardiola festeja aniversário e vê Bayern ser goleado

O campeonato alemão continua parado até ao final de janeiro, mas os campeões da Europa não têm tido descanso. Depois de um estágio de preparação no Qatar, o Bayern de Munique foi derrotado num jogo amigável pelo Salzburgo na Áustria. No dia do 43º aniversário, Guardiola teve uma má surpresa ao ver a sua equipa ser derrotada por 3-0.

O Bayern volta à ação na noite de sexta-feira, em Mönchengladbach, contra o Borussia, terceiro na tabela, na 18.ª jornada da Bundesliga. Desta vez, Guardiola não vai querer passos em falso.