Última hora

Última hora

Tony Blair reconhece posição de força de Assad na guerra síria

Em leitura:

Tony Blair reconhece posição de força de Assad na guerra síria

Tamanho do texto Aa Aa

O ex-primeiro ministro britânico, Tony Blair, considera que a situação atual na Síria reforça a posição do regime, numa altura que a batalha diplomática enfraquece por falta de argumentos de peso que convençam Assad a abandonar o caminho da violência.

“A única maneira para chegar a um acordo, tendo em vista a transição para uma nova forma de governo, é se nenhum dos lados sente que pode vencer a batalha militar e, por isso seriam obrigados a perceber que a única via é a negociação . Mas ao longo destes últimos 6 a 9 meses eu acho que a situação no terreno mudou a favor de Assad. Para nós , ocidente , o que temos que nos perguntar agora é como vamos colocar a oposição em situação de igualade ? O fator que vem complicar as coisas é que dento da oposição também existem elementos com os quais não nos sentimos muito confortáveis”

Acompanhe esta entrevista na integra esta noite, aqui na Euronews.

“Eu não penso francamente que a questão passe pelo fato do Irão ser convidado ou não convidado . A questão é , como eu disse, conseguirmos alterar o equilíbrio de poder militar no terreno para que o presidente Assad saiba que tem de chegar a um acordo sobre a transição . “