Última hora

Última hora

Yanukovich tenta salvar situação na Ucrânia

Em leitura:

Yanukovich tenta salvar situação na Ucrânia

Tamanho do texto Aa Aa

Na Ucrânia, a reunião entre o presidente Viktor Yanukovich, o governo e membros da oposição, incluindo Vitaly Klichko, prolonga-se. Não se esperam grandes avanços, enquanto várias dezenas de milhares de manifestantes se mantêm concentrados na praça Maidan, na capital, Kiev.

O primeiro-ministro Mykola Azarov está em Davos, na Suíça, para participar no Fórum Económico Mundial e denuncia o que chama uma tentativa de golpe de Estado: “Quem está contra nós não são ativistas da oposição, mas sim rebeldes. São dois conceitos que devemos distinguir. Está em marcha um autêntico golpe de Estado e quem o apoia deve dizer que está a favor de um golpe de Estado contra o governo legítimo da Ucrânia”.

O comissário europeu para o alargamento, Stefan Füle, chega a Kiev esta sexta-feira para participar nas negociações. Füle foi o principal negociador de Bruxelas do acordo de associação com a Ucrânia, que acabou por não ser assinado. Várias instituições europeias já se mostraram solidárias com os manifestantes pró-europeus da Ucrânia.